:: NOTÍCIAS ::

31/01/2014 - Cultivo de orquídeas é tema de palestra na 1ª Exposição Nacional de Orquídeas Villaggio d’Italia

O orquidófilo com mais de 20 anos de experiência no estudo sobre orquídeas, Luiz Carlos Valentini, é presença confirmada na 1ª Exposição Nacional de Orquídeas Villaggio d’Italia, que acontecerá de 14 a 16 de março. O evento é aberto ao público e será realizado no Orchidário Villaggio d’Italia, no km 96 da BR 262, em Pedra Azul, Domingos Martins.

O cultivo de orquídeas será tema da palestra do orquidófilo no dia 15 de março, às 16h, e no dia 16, às 11h. “Na ocasião, vamos discutir a influência do ar, da água e da luz no cultivo das orquídeas. Serão dicas interessantes para os amantes da flor e orquidófilos”, pontua Valentini. 

O local adequado para a planta, as precisões de cada espécie e dicas sobre adubação também estarão entre os temas abordados. “A adubação, os cuidados específicos para cada região e condições climáticas também são pontos fundamentais para o sucesso do cultivo”, lembra o orquidófilo. Em 1h30 de palestra, o especialista em orquídeas também abrirá espaço para um bate-papo para que os participantes possam compartilhar informações e esclarecer dúvidas.

Os floricultores capixabas que trabalham com a produção de orquídeas terão a oportunidade de mostrar o seu trabalho. O objetivo é dar visibilidade aos produtores de orquídeas e funcionar como um atrativo das Montanhas Capixabas, disseminando a cultura de consumo e utilização dessas flores, além de promover a movimentação de negócios no próprio evento que espera receber cerca de 5 mil pessoas.

“As orquídeas são um dos grandes atrativos de Pedra Azul. E um dos objetivos de trazer o Orchidário às Montanhas é tornar o consumo da planta algo constante e difundido. Queremos quebrar a sazonalidade da demanda”, explica o idealizador do Villaggio d’Italia, Lucas Izoton.

Além de conhecer as diversas espécies de orquídeas que estarão na exposição, os visitantes poderão conferir peças de artesanato alusivas às orquídeas e pratos executivos temáticos preparados especialmente para a ocasião.

Exposição

Aberta ao público, a exposição contará com 20 stands, que vão reunir exemplares desde espécies puras a híbridos raros. As espécies expostas serão avaliadas e premiadas por uma banca examinadora, formada por três juízes, e premiadas de acordo com categorias determinadas para cada espécie. A premiação se divide em catorze categorias: Cattleya Guttata Tipo; Cattleya Guttata Variedades; Cattleya Labiata Tipo; Cattleya Labiata; Cattleya Labiata Variedades; Cattleya Velutina; Cattleya Velutina Variedades; Micro Orquídeas; Botânica; Híbrido Asiático; Cattleya Híbrida; Voto popular; Raridades, e Melhor Planta da Exposição.

A planta ganha destaque na floricultura capixaba e no cenário nacional, tendo sido responsável pela movimentação de R$ 13 milhões em negócios no ano passado no Espírito Santo. Além de produtores locais, o evento vai receber orquidófilos de vários estados, como Rio de Janeiro e Minas Gerais.

A Organização é do Orchidário Villaggio d’Italia e tem o apoio institucional do Grupo Izoton, ATPA (Associação Turística de Pedra Azul), Montanhas Capixabas Conventions & Visitors Bureau e da SEO (Sociedade Espiritossantense de Orquídeas).


 

Maquete Virtual Canal Viver Bem
WebVix Marketing Virtual LTDA